Qual a melhor idade para criar um negócio próprio? Será o mais importante?

Quase todas as pessoas desejam em certa altura da vida pelo menos tentar trabalhar por conta própria com o intuito de um futuro melhor a nível de financeiro. No entanto surge a dúvida de qual será a melhor idade para abraçar um projecto?

Acreditamos que não existe uma idade certa porque o sucesso do negócio dependerá de factores que de nada tem a ver com a idade, mas naturalmente que a experiência de vida que não se tem por exemplo aos 20 anos, será uma mais valia para abrir um negócio , o que não significa que alguém com vinte e poucos anos não tenha o know how suficiente para levar a bom rumo o seu próprio negócio.

Um dos principais factores para se ter sucesso passa por uma mentalidade empreendedora e ter fortes conhecimentos no ramo onde quer iniciar a sua actividade. Independentemente de ser um micro negócio ou uma grande empresa de nada servirá ter capital para investir se depois não souber onde e como o deve aplicar para crescer de forma sustentável.

A idade ideial para abrir um negócio é muito relativa  mas mesmo assim vamos tentar descobrir algumas diferenças;

Capacidade financeira – Por norma a partir dos 40 anos existe uma capacidade financeira maior e talvez alguma poupança que pode ser usada para investir. No entanto o mais provável é ter encargos como casa própria e família já constituída o que encarreta outras responsabilidades.

No caso dos jovens apesar de não estar no auge financeiro provavelmente terá menos encargos fixos e assim o risco em investir num negócio é menor do que a situação acima referida. ( em casos gerais )

Experiência- Nesta situação sem dúvida que a partir dos 35 para cima a experiência de vida é uma mais valia. Por muito que se tenha boas ideias e até estudo a experiência conta mais do que aquilo que se imagina na altura de tomar muitas decisões.

Visto pelos clientes – Infelizmente ainda existem pessoas que olham para os jovens como incompetentes se os virem a abrir um negócio. Falo isto sem qualquer dúvida porque já presenciei várias situações semelhantes e posso referir uma onde na semana passada fui ao dentista e que tem um café ao lado e ouvi duas senhoras a falar onde uma dizia que não ia lá porque aquilo eram só míudos a trabalhar e que o mais certo é não perceberem nada daquilo….

Nesta aspecto uma idade superior a 35 anos será uma mais valia mas existe certos sectores, nomeadamente informática e serviços web onde a juventude é mais reconhecida .

Estes são os exemplos mais relevantes que acho que a idade está relacionada com o ter ou não sucesso no seu negócio.

Contudo leia as próximas dicas do que realmente acho ainda mais importante.

 

Será que estou no caminho certo?

  • Tem uma ideia estruturada
  • Tem as ideias definidas
  • Sabe o que é necessário para avançar
  • Tem a experiência necessária
  • Tem a noção da exigência de um negócio
  • Tem a paixão necessária.

Se respondeu sim a todas estas questões então certamente está no bom caminho e para dar o próximo passo é aconselhável a realizar um plano de negócio detalhado para que nada escape .

 

Financiamento…

Já tem a ideia de negócio mas não tem dinheiro ? Então tem duas hipóteses ;

  • Pedir um financiamento na banca tradicional
  • Caso não tenha perfil para pedir um crédito ( entenda-se sem garantias) recorra ao microcrédito
  • Se estamos a falar em negócio de média-grande escala o capital de risco pode ser uma solução

 

Mentalidade de olhar para um negócio

O empreendedorismo é muitas vezes visto com maus olhos por muitos Portugueses porque na minha opinião fomos um Povo pouco educados a nível de empreendedorismo e investimentos e é fácil perceber em maioria dos casos que mal se fala em investir num próprio negócio , família e amigos a primeira coisa que dizem é que isto está mau e que pode correr mal.

Não estando a pintar o Mundo de cor-de-rosa é verdade que as coisas podem correr mal porque nada na vida é certo , mas dai a termos uma ideia definida na nossa cabeça que cada negócio start up é uma empresa falida na certa então estamos num péssimo caminho , porque além de ainda não termos mudado a mentalidade da nossa geração o mais provável é estarmos a passar essas ideias erradas aos próximos.

 

Ter o seu próprio negócio é muito exigente

Não tenha a mínima dúvida ! Gerir um negócio é muitas vezes desgastante mas nada nesta vida é fácil . É necessário paixão e sabedoria naquilo que se está a fazer, digo paixão porque quem corre por gosto não cansa e sabedoria para saber exactamente separar o trabalho e ter tempo para si porque um dos principais erros para quem se inicia no seu negócio é trabalhar até à exaustão chegando ao ponto de estar fisicamente e psicologicamente esgotado e ai sim o seu negócio estará em risco.

 

 

Não tenha mais olhos que barriga

Principalmente o que eu quero dizer com isto é ter o cuidado ao investir inicialmente para não cair em exagero a nível de stocks de produtos ou de equipamentos que não sejam necessários ao inicio.

Ter algum capital de parte para os primeiros meses é elementar porque é raro o negócio que comece logo a dar lucro nos primeiros meses de vida.

 

Estude a concorrência

Estudar a concorrência é muito importante, imagine que vai abrir um café e a 100 metros existe um Pingo Doce com cafetaria.. será que é um bom investimento ? As lojas Pingo Doce com cafetaria têm uma produção de muito baixo custo e isso reflecte no preço final onde todos os produtos são os chamados preços low cost.

Nesta caso específico é muito difícil ter sucesso e um estudo antecipado sobre a concorrência na zona onde espera começar o seu negócio é fundamental para despistar estes erros logo ao inicio, porque depois não há nada a fazer e acredite que muitas pessoas cometem este erro e só se apercebem passado alguns meses em que abriram portas.

 

Estude ao mínimo pormenor  o financiamento

Para abrir um negócio ou criar uma empresa relativamente a financiamento deve ter muita atenção para não pensar só em obter o dinheiro que precisa de qualquer forma. É da sua responsabilidade ter a noção que está a escolher uma boa opção para não ficar com uma taxa de esforço elevada correndo o risco de endividamento a curto prazo.

 

Procure conselhos

É importante saber pensar por si , mas é igualmente importante saber pedir conselhos a pessoas mais experientes . Nos dias de hoje é muito fácil falar com alguém mesmo a 5 mil km de distancia com a internet. Procure pessoas com as quais de identifique nos seus negócios e peça conselhos e opiniões.  Estar preparado é uma das melhores armas para enfrentar um desafio .

Gostou do nosso artigo? Que conselhos daria a quem pensa criar o seu negócio ?

Comments

  1. By Carlos

    Responder

    • Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *