Gerir o dinheiro de forma inteligente

Da mesma forma que é importante cuidar da sua saúde, planear o seu sucesso futuro também significa cuidar da sua saúde financeira.

O segredo para ser financeiramente saudável passa por ter um plano para gerir o seu dinheiro.

Pensar em gerir as finanças da sua família pode fazer com que algumas pessoas se sintam ansiosas, mas não se preocupe porque não precisa de ser algo complicado.

Aqui estão algumas dicas que o ajudarão a estabelecer uma base sólida para o seu futuro financeiro.

Acompanhe os seus rendimentos

Entre as contas, alimentação e despesas diárias, provavelmente gasta centenas de euros todos os meses.

Organizar os seus gastos em categorias dar-lhe-á uma noção de onde gasta o seu dinheiro.

As categorias mais comuns são habitação, alimentação, transporte e entretenimento.

Poderá vir a surpreender-se como pequenas simples despesas diárias, como cafés, podem custar caro ao fim de cada mês.

O acompanhamento das suas despesas também pode ajudar a identificar possíveis despesas que poderá cortar totalmente ou diminuir parcialmente.

Crie um orçamento

Depois de passar um mês ou dois a acompanhar as suas despesas, deve ter uma boa ideia de como são as suas típicas despesas.

Use essas informações para criar um orçamento que ajudará a garantir que permanece num bom caminho.

Não se concentre apenas nas suas despesas, faça da sua poupança parte do seu orçamento também.

Para facilitar o seu orçamento, mantenha-se consciente das suas despesas reais.

Se gastou no último mês 100€ em combustível, não é realista esperar que consiga cortar esse valor para metade.

Administre as suas dívidas

As dívidas podem atrapalhar até os melhores planos financeiros, portanto, certifique-se que tem um plano para lidar com as suas.

Se tiver alguma folga no seu orçamento, considere utilizar o máximo possível para pagar algumas das suas dívidas.

Dê prioridade às dívidas com os juros mais altos.

Criar um fundo de emergência que contenha dinheiro suficiente para cobrir três a seis meses de despesas, é uma boa maneira de impedir que acumule mais dívidas no caso de surgir uma despesa inesperada.

Estabeleça metas para o seu futuro

Gerir o seu dinheiro não significa apenas acompanhar as finanças do dia-a-dia, passa também pelo planeamento do futuro.

Saber quais são os seus objetivos a médio e longo prazo pode ajudá-lo a manter-se motivá-lo.

Para as suas metas de médio prazo, como por exemplo umas férias, deve abrir uma conta poupança, em separado, onde irá colocar fundos destinados somente para a viagem.

Estando esse dinheiro separado do resto pode fazer com que pense duas vezes antes de o ir buscar para pagar outras despesas.

Para as suas metas de longo prazo, como por exemplo poupar para a reforma, considere transferência automáticas da sua conta para uma conta de reforma.

Desta forma, estará a poupar sem sequer pensar nisso.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *